Noticias

Dentista cristão dedica-se a tratar dos dentes de órfãos, na Ucrânia

Tim Medianick montou um consultório móvel para levar ajuda para soldados e órfãos em seu país

Fonte: Guia-me / com informações Reading Eagle / Foto: Reprodução/Facebook | 07/08/2019 – 10:15
Dentista cristão dedica-se a tratar dos dentes de órfãos, na Ucrânia

O dentista Tim Medianick nasceu na Ucrânia e cresceu pobre, sob o regime comunista, em uma família perseguida por suas crenças cristãs antes de se estabelecerem no condado de Bucks, quando ele tinha 13 anos.

No ano passado, ele viajou para a fronteira leste da Ucrânia para tratar os dentes dos soldados que estavam na linha de frente da luta contra a Rússia.

“As condições eram perigosas, com bombardeios ocorrendo regularmente nas proximidades, mas o trabalho era importante, já que muitos dos soldados nunca tinham visto um dentista antes”, disse ele.

Este ano, o Dr. Medianick sentiu um chamado para oferecer ajuda semelhante aos órfãos, então ele, sua esposa, Ann e suas filhas, Nadia, 12, e Anya, 10, passaram quatro dias no mês de maio no orfanato Mykhaylivka, na região de Cherkasy, no centro da Ucrânia.

“Nada poderia ter nos preparado para isso”, disse Ann sobre as condições difíceis em que os 80 órfãos viviam.

“Os quartos em que dormiam estavam sujos, a água enferrujada e o mau cheiro insuportável”, disse ela.

O atendimento às crianças foi feito em uma unidade dentária móvel que Medianick ajudou a comprar para a comunidade. Os que tinham problemas mais sérios foram atendidos primeiro, depois os demais: todos tiveram suas dores aliviadas e os dentes tratados.

Cuidados e atenção

O Dr. Tim Medianick verificou que os dentes das crianças do orfanato estavam muito danificados.

“Muitas das crianças tinham muitas cáries, que foram negligenciadas por muito tempo, mas não foram apenas os dentes que não estavam recebendo atenção suficiente”, disse o dentista.

“Essas crianças também passaram muito tempo sem carinho, sem elogios e sem abraços”, explicou.

“Muitos deles tiveram educações brutais, sendo abandonados ou perdendo pais para o vício, e receberam cuidados mínimos e nutrição no orfanato”, disse.

Então, enquanto Medianick trabalhava com centenas de dentes, ele também passava a maior parte do tempo trabalhando para aumentar o ânimo e a autoestima daqueles órfãos.

“As crianças se alinharam não apenas para receber cuidados [dentários], mas também para conseguir o amor que que ele demonstrou”, disse Ann.

“Quando ele saiu da unidade móvel para fazer uma pausa, logo foi cercado por um grupo de órfãos que não o deixaram ir”, disse ela. “Eles faziam qualquer coisa para aproveitar sua atenção.”

Ann disse que por mais difícil que fosse ver crianças vivendo com tão pouco, seu marido estava feliz por estar lá, motivado por seu amor pelas pessoas e pela fé em Deus para fazer o que não era convencional.

“Ele não está satisfeito com o sucesso”, disse ela. “Ele sabe que há mais na vida do que isso. E ele usa o dom da odontologia dado por Deus para dar” mais “aos outros.”

Medianick também presenteou as crianças com bolas de futebol, sapatos, vitaminas e outros itens muito necessários para as crianças, graças em parte às doações de seus pacientes odontológicos. Além disso, as crianças acharam uma máquina de algodão doce especialmente divertida. “Foi uma ótima semana para eles”, disse o dentista. “Foi como um feriado.”

Ele disse que gostaria de ter feito mais, mas sabe que sua visita causou um impacto duradouro, não apenas em termos das necessidades dentárias dos órfãos, mas também de sua moral.

“Eu comuniquei a eles foram cuidados porque são especiais”, disse ele.


Por: ADLINHARES


Evento 1

Agenda 07 de setembro

detalhes